Intestinal barrier model

Sobre

MODELO 3DBS-LNBioIntestinalBarrier™

Modelo desenvolvido pelo LNBio – Laboratório Nacional de Biociências – CNPEM em parceria com a 3DBS. Confeccionado através de nossa tecnologia de Bioimpressão 3D.

São ideais para estudos que testam drogas candidatas ou produtos biológicos para tratar doenças caracterizadas por lesões da barreira epitelial do intestino delgado. Além disso, estudos de absorção de nutrientes.

O intestino delgado humano é um parâmetro chave para determinar a biodisponibilidade de formulações administradas por via oral

Um modelo humano de barreira intestinal 3D in vitro que permite avaliar toxicidade, metabolismo, absorção de medicamentos e nutrientes, os efeitos de formulações administradas por via oral, além de ser um método mais preditivo para processos inflamatórios, que as tradicionais análises pré-clínicas com Caco-2.

Triagem pré-clínica

Previsão da absorção de drogas e Efeitos Adversos

Estudos com modelos In Vitro de barreira intestinal possibilitam avaliar o potencial de absorção de drogas e o processo inflamatório do intestino delgado causada por novas formulações de drogas. A triagem pré-clínica usando o modelo de barreira intestinal permite aos pesquisadores uma visão clara dos possíveis efeitos colaterais negativos de novas formulações de drogas.

MODELO 3DBS-LNBioIntestinalBarrier™

Desenvolvemos modelos alternativos de barreira intestinal para substituir cobaias animais, provendo a necessidade de testes de avaliação de segurança e eficácia de produtos tópicos como medicamentos, cosméticos e alimentos.

Inspirados nas estruturas da natureza, o nosso objetivo é possibilitar a reconstrução de tecidos e órgãos biomiméticos que atuem como tecidos nativos.

O modelo 3DBS-LNBioIntestinalBarrier™ está inserido em placas de cultura de 12 mm de diâmetro.

CARACTERIZAÇÃO DA DIFERENCIAÇÃO POR IMAGEM

Barreira Intestinal de 150.000 células coradas com Hematoxilina & Eosina (H&E) após cortes de 5 um em parafina.

(A) Aumento de 10x (B) 20x (C) 40x.

Viabilidade celular

Medida da Viabilidade celular (%) das Barreiras Intestinais de 150.000 células referente à controle positivo (sem tratamento) 1%PBS (tratamento) e 50% DMSO (controle negativo).

Expressão Gênica

ΔCq das expressões dos genes analisados em 3 replicatas de B.I. de 150.000 células demonstrando que a expressão de SL5A1, ABCB1 e TJP1 estão sendo mais expressos e que ATP1A1 apresenta um nível de expressão mais baixo.

Resistência Transepitelial

Market segment:

Indústrias farmacêutica, cosmética, de alimentos. Institutos de pesquisa, universidades públicas e privadas

Uso:

Somente para pesquisa

Aplicações:

Utilize o modelo 3DBS-LNBioIntestinalBarrierModel para: